Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Vamos lá por os pontos nos (is)

por R.Cheiros, em 19.02.09

 

Eu sou uma alma pacata. Só quero é paz e sossego (deve ser da idade)e quem me conhece, sabe que sou uma pessoa frontal que não gosto de fazer “fretes “. E se as vezes extravaso é porque não sou pior nem melhor do que ninguém … existem “merdices” com que não compactuo. Gosto de rir de “brincar”mas há limites, claro!  Posso ser muito míope mas há sapos que não engulo ,linhas que não ultrapasso apesar de algumas vezes sentir que estou prestes a pisar o risco… tenho sempre em conta duas coisas: 1ª não ultrapassar os meus limites, 2º não interferir directamente com ninguém. Mas há coisas que não procuramos e nos perseguem… irra !

 

Parece-me que há pessoas, que gostam de se fazer de vitimas. E eu até acho que o fazem bem em certas circunstancias apelarem ao nosso lado sensível (também já fui acusada de não o ter)mas fazerem-no de forma continuada a coisa começa a perder a piada.  Se existe coisa que me irrita são pessoas que passam a vida em bicos de pés e aos saltinhos a dizer : (eu estou aqui). Andar sempre a lamuriar-se pelos cantos  a vida nem avança.. credo.E eu como não sou mulher de me ficar em lamentos muito tempo ou de me fazer de coitadinha muito menos de palavras de circunstancia ou de passar a mão pelo “pelo” de ninguém só para agradar  ando um bocado ocupada com uns pensamentos inócuos e desprovidos de qualquer relevância como outros quaisquer mas que me merecem estas palavritas.

 

Aqui há uns tempos lembrei-me de fazer um blogue, e porque não…pareceu-me uma ideia engraçada e uma forma de dizer alguns disparates que de vez em quanto me povoam a alma. Sim, porque eu, ao contrário de algumas pessoas tenho a noção e consciência que digo muitos disparates. Como não sou especialista em nada nem entendida em coisa nenhuma, nem tenho pretensões a ser escritora (até porque o meu “negocio” é mais números do que letras, como já deu para notar..)fui começando a escrever aqui umas patacoadas e parece que alguns foram lendo… ora com isto tudo fui-me dando conta que ando nisto dos blogues há quase um ano.

 

Mas enfim, continuando aqui a minha linha de pensamento, porque isso do tempo agora não interessa nada. Uma coisa que me deixava baralhada de inicio era as “amizades”, ora julgava eu que aqui nos blogues existia tipo de uma confraria onde todos eram amigos e se conheciam tal era o tratamento. A facilidade com que utilizava a palavra (amiga/o) surpreendeu-me mas aos  pouco e poucos fui começando a entender o espírito da “coisa” e como sempre ouvi dizer que em Roma sê romano e que se não os poderes venceres junta-te a eles… também eu a comecei a utilizar mas com algumas restrições, confesso. Até porque há que separar o “trigo do joio “ e embora a palavra amizade seja bonita, não é meu amigo quem quer ou quem comigo troca meia dúzia de palavras e não conheço de lado nenhum.

 

Não nego que possam existir afinidades entre algumas pessoas que nos comentam que existam semelhanças de pensamentos e formas idênticas de estar na vida. Mas dai a dizer que somos amigos existe uma diferença anos luz.. entendo a  amizade  como algo mais abrangente do que trocar galhardetes nos comentários. Valorizo de mais os meus amigos e as minhas amizades para que meia  dúzia de palavras trocadas  sejam o suficiente para os considerar amigos , mas cada um tem o seu conceito de amizade .

 

Em todos os blogues ( julgo eu) existe nos comentários uma opção que nos possibilita escolher quem nos comenta, exp: todos, só amigos, ninguém ou ainda seleccionar os que queremos aceitar ou não.

É uma questão de escolha.  Quem tem os comentários sem moderação sujeita-se….

Não é meu habito ser mal educada com ninguém, muito menos me considero uma pessoa mal formada, mas há determinadas pessoas que não sabem lidar  com opiniões divergentes das suas…( e os comentários não são isso mesmo, opiniões..?) que só os entendem  como válidos se forem de encontro ao seus próprios  pensamentos e desejos., enfim… maus fígados.

 

Uma coisa é certa, quem não quer os comentários só tem de os apagar. Não percebo como é que certas pessoas se arrogam o direito de opinar sobre os outros de forma pejorativa e chegar ao ponto de fazer um post a mencionar a pessoa (y) ou( x). Será que é porque a sua própria vida lhes corre tão mal ,é tão desinteressante ou tão pobre de acontecimentos ,que tem que vir procurar adrenalina a falar dos outros?

Não dou esse direito a ninguém! E se apenas se limitassem a coisa reais… O pior é que a maioria das vezes, escrevem aquilo em que (acreditam) ou faz força para que seja verdade… ( eu nunca acusei ninguém de nada fui mal educada  ou magoei seja quem for propositadamente)  mas agora não posso deixar de chamar mentirosa com todas as letras a quem me enviou um comentário que dizia o seguinte:

(É lamentável a não publicação da minha resposta. Fica lá com a última - e é mesmo a última - palavra, se é assim tão importante.)
Este comentário é mentiroso porque nunca deixei de publicar nenhuma resposta desta pessoa.


Agora se vêem ao meu blogue ou não, é para o lado que eu durmo melhor. Se me comentam, idem…nunca para cá chamei ninguém e não ando por ai de blogue em blogue a comentar para ter também comentários a pedir prémios ou destaques… comento os que me apetece e quando me apetece .


Já perdi muito mais tempo do que devia com esta “bosta” de assunto. Mas não sou Maria vai com as outras e  muito menos gosto de deixar coisas mal esclarecidas .


Porque é que é tão complicado perceber o que se passa na cabeça duma mulher? Se calhar é igual nos homens mas da minha limitadíssima experiência estou em crer que as mulheres complicam o que os homens simplificam.

 

Espero mas uma vez não ter ofendido ou ferido susceptibilidades.. Mas se aconteceu, olha temos pena... a vida é mesmo assim e não fui eu que a fiz.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:24


2 comentários

De Subjectividades a 19.02.2009 às 14:46

Sabes uma coisa mulher??
Gosto de ti!
Tens um blog 5 estrelas não tens papas na língua e eu quando te trato por amiga sei efectivamente do que estou a falar.
Como habitual vou dar-te na cabeça porque acho que estás a desperdiçar o teu tempo com coisas que não têm o minímo cabimento nem interesse.
Este é um mundo virtual claro mas quem tiver dois dedos de testa consegue separar perfeitamente o trigo do joio e tu sabes fazê-lo!

Bj

De R.Cheiros a 19.02.2009 às 16:57

Óptimo, até porque eu também gosto de ti e tu sabes!

Só 5… bora lá por mais umas quantas estrelinhas nisso :)

Papas na língua, não, não tenho, mas não é bem o termo.. Simplesmente sou sincera, digo o que penso e não estou minimamente preocupada se isso afasta alguém ou se não é o que querem ouvir…

Eu sei que os psicólogos estão pela hora da morte e que o Prozac, xanax e essas porcarias todas são caras e em tempo de crise deve ficar mais fácil lamentar-se nos blogues , mas com calma… não me metam nessas confusões só por um simples comentário.

Chego a ter pena de certas pessoas… mas depois tem sempre os que seguem em filinha como nos rebanhos … as “marias vai com as outras” para dar os ames :)
A esta hora já deste… mas sabes que nunca deixo de dizer o que me vai na alma e ainda não ofendi ninguém, pois não?

Pois é nem tudo que luz é ouro nem tudo o que brilha é prata , mas a ti tenho muito gosto em te chamar amiga .

Beijocas
Paula

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

subscrever feeds