Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Acabou o Natal e agora?

por R.Cheiros, em 27.12.08

 

Acabou o Natal, a grande noite do dia 24, toda a gente reunida, conversas, comilança desenfreada, coscuvilhices de família, uma noite que se arrasta e o corpo começa a pedir cama..
Dia 25 é um dia inteira de ressaca. Não de bebida, mas dos dias de expectativa (infundadas)para uma noite que é só mais uma igual a tantas outras.

Passamos mais de um mês à espera da grande noite. Vivemos uma época de loucura. Lojas entupidas, supermercados lotados, caixas multibanco sem um chavo. Compras, compras, e mais compras tudo para a grande “festa” a noite de natal.
E para que…? em 99,9% das casas não se falou do verdadeiro sentido do natal.
Eu pergunto: quem é que lembrou do “aniversariante” do dia?
Quem parou para um minuto e pensou no no significado do natal verdadeiramente?

Qual foi o ser que por segundo que fosse se lembra-se porque se festeja a noite de 24 para 25 de Dezembro?
Quem interrompeu os seus festejos para repensar a sua própria vida em meio aos seus semelhantes?

Quem se propôs por instantes rever a sua vida em família e em sociedade? 
Isto, para a maioria das pessoas é Natal. Para mim, é uma distorção de valores...
"O natal é quando um homem quiser ?"

É uma frase feita e batida e soa muito bem em certos momentos.
O que eu fiz? Ou o que deixei de fazer..? Estive em família… , participei de uma ceia exagerada, bebi, sorri, conversei..Voltei para casa e dormi. O  dia 25 passei o tempo com sono e cansada e o que aconteceu de novo...?

Foi a noite de natal mais inútil que tive nos últimos anos!

Acabou o Natal e agora? 

Bom , os outros não sei... Eu vou continuar a minha vida.
No próximo fim de semana  vou estar reunida com toda a família como acontece em todos os fins de semana ( e não por ser natal) com a vantagem de não ter que gramar a noite quase toda acordada.
E foi natal...

 

publicado às 20:55


12 comentários

De Subjectividades a 29.12.2008

Que coisa realmente!!!!
Ó pá, porra fica lá com a bicicleta....
Não adianta, contigo é mesmo assim pronto tá bem o Natal não gostas é um dia inútil tudo bem não ponho nada disso em causa é assim que o sentes e quem sou eu para dizer que estás errada!! Eu Gosto, não acho que seja inútil e não é por gostar que vou discordar ou não de ti (até porque isso não é difícil). nem é por gostar do Natal, (do meu Natal) que me vou sentir melhor ou pior que os outros.
Eu quando te falo no que significa o Natal falo-te do que significa para mim e na maneira como o vivo e entendo! Este foi o melhor natal dos meus últimos 9 anos e tu até sabes porquê!
Neste natal eu fui livre, não tive de pactuar com a hipocrisia de outros Natais nem de pensar só no bem estar dos que me são próximos, não este natal eu vivi-o em pleno e fui feliz!
Se o Pai natal existe??? Claro que sim e a mim trouxe-me exactamente aquilo que lhe pedi....também fiquei feliz por isso amiga!
Como vês, comi bebi e fui feliz junto da minha familía e com todos os que me são querido no coração que mais se pode desejar??

Bj ó refilona!!

De R.Cheiros a 29.12.2008

Sabes aquela canção brasileira que diz mais ou menos assim:
"É o Amor
Que mexe com minha cabeça
E me deixa assim"

Pois é... O amor é lindo e tem o dom de transforma uma noite escura de nevoeiro num lindo luar

Quando ao ser feliz..
A minha noite de natal também foi feliz afinal estava com as pessoas que mais gosto.
Mas se faço isso tantos dias durante o ano o natal deveria ser mais do que isto.. E é habitualmente mais..este ano por circunstâncias adversas à minha vontade foi única e exclusivamente em família.

Minha querida não nos vamos zangar por causa disso até porque respeito as ideias dos outros e podes discordar à vontade. Eu levo a bicicleta e tu os pedais.

Eu sou de ideias fixas e detesto quando me trocam as voltas e este natal foi o que me aconteceu..
Foi tão inútil...

Eu diria que talvez a culpa seja minha...
Utilizando mesma canção eu diria:
Eu sou uma apaixonada
De alma transparente
Um louco alucinada
Meio inconsequente
Um caso complicado de se entender

(bem tentes, os que tentaram desistiram)

Para terminar, ainda bem que o teu natal foi completo...afinal o natal é o que cada um sente "cá dentro"

O pai natal é um grande malandro, aposto que te deu um baque no coração

Refilona não, um doce.



De Subjectividades a 29.12.2008

Ao contrário de ti que não estou todos os dias com as pessoas que amo o meu Natal serviu para isso também percebeste agora!!
Adorei mimar toda a gente, fazer os docinhos que cada um mais gosto, demonstrar com palavras e actos o quanto gosto deles o quanto me agrada estar com todos eles e, digas o que disseres a consoada e o Natal para mim têm um significado muito grande. É familía, o espirito de familá mas também uma grande vontade de ser melhor a cada dia, uma vontade de agradecer o que tenho, a familia que tenho o amor que recebo e dar o melhor de mim.
Podia ser hipócrita e dizer que sinto isso todo o ano mas é mentira não sou assim tão altruista.

Agora amiga qual baque qual quê.....foi nem te sei explicar!!

Bjocas

De R.Cheiros a 29.12.2008



Ok, lenta mas não tanto... Já tinha percebido À primeira.

Pois eu tenho a tropa toda reunida e por perto...

Os docinhos são realmente a coisa mais importante do natal:) mousse de café, bolo de nozes... Não sei porque fiquei a pensar nestes dois.

A minha família é um amor, adoro-os, mas também tenho noites de natal que me apetece dizer por favor fechem lá a matraca um bocadinho..

Mais facilmente digo gosto de ti em qualquer outra noite do que na de natal, que queres eu sou assim..

Adoro o teu modo de expores os sentimentos e de tentares combater todos os meus argumentos.

Bom ano de 2009 e que a nossa amizade continuo

Paula

PS: NÃO FOI UM BAQUE MAS SABES EXPLICAR MUITO BEM

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D