Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ela e (conversas) eu!!

por R.Cheiros, em 10.11.08

Descobri uma razão porque as pessoas não são felizes. Na verdade, descobri uma das razões. Provavelmente a mais verdadeira.
- Óbvio que descobris-te.
- Não! A sério! Descobri mesmo!
- Então, diz. ..Sei que de qualquer maneira  me vais obrigar   a ouvir.
- Queres  um café?
- Quero.
- Bem, a teoria é simples. E bastante óbvia.
- Tenho a certeza que é. Inclusive tenho certeza que toda gente passa a ser feliz depois de a ouvir.
- Se as pessoas quiserem realmente ser felizes, certamente pensaram nisso!
- Ah! Mas que confiança!
- Então! Escuta.
- Estou a escutar há que tempos , mas tu não paras de dar voltas e voltas...Então e o café..?
-Tem calma, pode ser?
- Bem… vamos começar com uma coisa banal:  Achas que as pessoas que se lamentam realmente se questionam?
-Pois..

- Tu própria, já deves ter sentido, mais de que uma vez..., vontade de atirares tudo para o alto, mandar tudo a merda e seguires outro caminho, fazeres coisas completamente diferentes, algo que realmente te faça acorda todas as manhãs com vontade de arregaçar as mangas, que te faça  sentir o coração acelerado. Alguma coisa que faça a vida ficar menos bassa. Não?
- Ah, sei lá!
- Sei lá? Tu as vezes decepcionas-me...
- Está bem! Claro que já pensei nisso. Toda gente pensa!
- Exactamente! Toda a gente pensa! Toda! Sem excepção!
- Sim, e daí?
- Daí que, se todo gente pensa nisso, sem excepção, então porque é que ninguém nunca o faz?
- Desculpa,  não é bem assim! Volta e meia as pessoas mudam, de casa, de carro e até de emprego procuram ocupações bem diferentes.
- Ai sim? Ou quando o fazem simplesmente  arrependem em três tempos ou voltam a correr para a "comodidade" resignada para o que fazia antes,para esta vidinha classe média onde tudo é "perfeito" com o rabo entre as pernas!
- É. Acontece bastante.
- Sim, acontece. Mas por que é que as pessoas tem medo de largar tudo  nem que seja por uns tempos e apostar o máximo que der em alguns poucos dias inesquecíveis? Mesmo sabendo que se o fizesse, esses dias seriam realmente maravilhosamente inesquecíveis?
- Mas nunca se tem a certeza disso...
- Claro que não. Mas ter quase certeza já seria o suficiente, dependendo daquilo que fosse se viver, não achas?
- Com mais um café eu certamente concordarei com tudo
- Já vou buscar.

-E o teu mais que tudo o que pensa disso?

- Também é um pseudo "burguês"que opta pelo conforto, mas ainda o faço mudar de ideias..

 - Quando é que tu pensaste nisso tudo? Que que é que estavas a fazer?
- Não importa! A diante...acredito que a grande maioria das pessoas e não falo só das que conheço... Tem uma vida rotineira e totalmente entediante, em trabalhos que não as satisfazem  intelectualmente nem lhe dá satisfação pessoal, uma vidinha programada até ao ultimo detalhe como se fossem marionetes de uma peça de teatro, vidas que não são metade ou absolutamente nada daquilo que elas queriam que fosse.
- Tens razão!
- Eu sei que tenho:)
-Mas todas gostavam de ter  coragem de mandar tudo para o C**** e viver de outra maneira, mas intensamente. Mas nunca mudam...por alguma razão elas não são donas da própria vida, não são de verdade.. -Sabes qual é  razão?
- Não. Qual é?
- Calma...já lá chegamos...! Para isso vamos pensar  em  outra característica interessante das pessoas  hoje em dia.
- Está bem, está bem. Não tenho mesmo nada melhor para fazer.
-Não podes ouvir sossegada e  quieta por um bocado!

- Tu devias ter estudado filosofia, isso sim.
- Ou sociologia...
- Ou isso.
- Arre! Ainda me fazes perder o fio à meada
- Que expressãozinha mais antiga!
- Está queda um bocado..

- Olha outra.
-Ok. Então é  assim… hoje em dia temos poucas emoções reais nas nossa vida. Existe muito pouco risco, e muito medo de se arriscar, na realidade não queremos correr riscos. A coisa mais arriscada que se fazemos é gerir os nossos ordenados até ao fim do mês (já não é fácil) e sair a rua à noite... Podemos ser assaltados, e isso não chega a ser exactamente emocionante, concordas?
- As vezes pode ser.
- Pois, tu e as tuas pancadas
- Mas pode.
- Não sejas parva!
- Ok.
- As pessoas procuram emoções em pequenas coisas  que lhes consiga dar adrenalina...em pequenas infracções, a escrever "escondidas"  em alguns desportos mais radicais ou até a serem infiéis. 
 - Nunca tinha pensado nisso…
- Olha até os filmes...

-Essa agora, o que é que tem os filmes a ver com isto?
- É  bastante simples. Quantas pessoas é que não procuram adrenalina e emoção nos filmes? Identificam,  com vários personagens sem razão aparente e não é só com os heróis, nada disso  As pessoas  colocam-se naquelas histórias e  deixam-se  levar por elas,  emocionam-se  com aquilo que elas nem estão a viver.
- Está bem...
- E daí?
- As pessoas só se  emocionar tanto com tudo porque as histórias têm um fim
- Interessante! Mas o que isso tem a ver com a tua teoria de felicidade?
- Tu és a mulher mais impaciente e lenta  que eu conheço!
- Está bem, mas diz lá...
- Se tem um fim, acabam.... Se pensarmos   em como a vida dos personagens seguiria   perdia-se metade da emoção.
- Está a dizer que as  pessoas acham a vida dos personagens melhores do que a deles e que vivem por eles?
- Tu és louca

- Eu tenho razão! E aí está a ligação com o que eu tinha falado antes!
- Onde?
- A resposta do porquê das pessoas não jogarem tudo para cima por um dia, uma semana, um mês de emoção absoluta.

- E qual é a resposta?
- Será possível que tu entendas??
- Estou com preguiça para  pensar. Tu é que inventaste   de me usar como  ouvinte  para as tuas teorias.
 A resposta é que as pessoas não jogam tudo pró espaço porque não sobem o final da história... Estão acomodadas as velhas rotinas , as preocupaç~oes de sempre.Tem medo do desconhecido que não sabem o final  de viverem aquelas emoções que as faça  largar tudo.

-É ,Faz sentido!
- Eu não te disse...
-  Acreditas tu própria nessa tua teoria?
- Claro que acredito.
- E jogar tudo para o alto...,quando?
-Há agora tenho que trabalhar!!

 

publicado às 15:15


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

subscrever feeds