Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Eles e nós... Aventuras de cama e cueca

por R.Cheiros, em 31.10.08

 Elas;
 Gostam de dar nas vistas, coquetes utilizam gestos e expressões chamativas sabem que tem ali mesmo uma plateia pronta a absorver tudo ao mais pequeno pormenor.
Eles;
 Exageradamente “machos” " Indiana Jones" de muitas histórias e aventuras.
Apetitosos enredos com muitos detalhes empregues na narrativa. Não me surpreende nem um bocadinho que aquelas à cerca da infidelidade, masculina e feminina, sejam as que tem mais ouvintes atentos... mas sobre as mulheres  chegam ao ponto do delírio..


Ontem passei ali pela Luísa que é a "gaja" que me trata da farta cabeleira que eu da aparência não descuido, lá no San J... até me custa a dizer o nome do “instituto de beleza” sim porque com estas modernices já não se vai ao cabeleireiro vai-se ao instituto de beleza, chique não é?

 Para me dar aqui um toque no cabelo que não está curto nem comprido e convêm ir aparando. E já agora dar um retoque na cor. E não, não é para o pintar, é mesmo só retocar que o meu cabelo preto já tem uns brancos que teimosamente teimam em aparecer e de vez em quando precisa de ser retocado!

Porque aqui entre nós, não sei de onde vem esta ideia mas que ela existe existe. Uma mulher com cabelos brancos quase sempre é apontada como velha...   Um homem é grisalho e só lhe fica bem!
Ela coitada  a (Luísa) até é uma tipa porreira mas não deve gostar muito de me ver por lá porque acha que sou uma stressada cheia de pressa. Logo eu que  até me considero uma das mulheres mais pacientes do planeta. Também vocês digam-me cá quem é que hoje em dia tem pachorra para perder tempo no cabeleireiro? Mas ontem...Agora  que aquilo é unissexo nem vos digo nem vos conto… passa-se lá cada filme que mais parece comédia.

 

Histórias é a melhor categoria para enquadrar o género de conversa que por lá se vai desenrolando. Os homens de modo geral, têm o condão de fazer autênticos milagres da multiplicação dos “pãezinhos” quando toca a enumerar as aventuras amorosas e os casos escaldantes que tiveram ao longo da sua vida. Quando começam é um pulinho até se elevarem ao grau do extremo .

Mas nós mulheres estamos a começar a ser tão ou mais desenvoltas na arte de meter agua..


Mas se eu pensar bem, também o que seria dessas histórias sem o exagero de quem as conta?Tinha alguma graça sem o pormenor íntimos e as performances levadas ao exagero destes bons machos latinos?
Mas os homens são uns grandes gabarolas, alguém tem duvidas?

Mas são bem piores quando tem uma plateia de mulheres atentas.
Mentes retorcidas é o que é… e não me isento a mim própria de sofrer desse mal porque eu bem sei os filmes que faço na minha própria cabecinha quando alguém se estica desta maneira. 

Dizem que as mulheres complicam demais aquilo que é simples....Que  nem sempre as historias têm segundo sentido...E que  nem sempre existe qualquer coisa nas entrelinhas. As vezes o que se diz é real, não havendo mentira, nem segundas intenções,ok  pois está bem...mas aqui não me parece nada..

 

As tantas, já nada fica igual porque quando os devaneios atingiram certas alturas a gente já nem se lembra do ponto de partida já não bate a bota coma perdigota...portanto a coisa é mais ou menos a olhómetro depende da atenção da plateia...mas também como o tempo felizmente vai passando, o resto do pessoal também já não se lembra das coisas e prontos. O pior é mesmo aqueles que se lembram de tudinho porque estão atentos..( era o meu caso)


Sim, porque lá estava eu... atenta, não como protagonista porque a minha vontade  de rir era tanta como o meu ar incrédulo, estava sim  como ouvinte. Fazia parte de um público que se encontrava sentada na  plateia que entrara sem pagar bilhete .

Deliciava-me  a tentar adivinhar qual das histórias seria a mais verdadeira, ou qual dos contadores destas histórias de sexo, cama e cueca   estaria a mentir mais. ..
Alturas houve até que senti que já tinha chegado ao fim mas afinal parece que ainda me falta um bocadinho.

 

(P... )é a tua vez, queres primeiro o cabelo ou a depilação? E é completa ou... Xiu... Esta mulher passa-se... não querem lá ver que me quer tornar personagem de alguma historia... E lá estava eu com todos aqueles olhares de "gozo " apontados na minha direcção...como à espera a minha resposta... Eu um dia mato aquela fulana.


 Já sentada e com a cabeça enfiada na água e champô, lá fui imaginando mentalmente cada uma das histórias tentar de forma racional coloca-las por ordem  que me auxiliassem a avaliar a veracidade do que ouvia e cheguei a uma conclusão.
Contabilizando o total de mulheres alvo dos engates ,e  atendendo às pessoas que eram os contadores, diria eu com mais verdade, que depois de baralhado e voltando a dar, e levando em conta que alguma das histórias tenha sido verdadeira, na melhor das hipóteses  os caçadores  tenham sido os caçados.


Mas que imaginação....As histórias eram muito fantasiosas mas os homens quando toca a falar das suas conquistas, tem destes momentos mágicos de" iluminados" que desponta violentamente nas suas mentes e que facilmente se tornam realidade.

Claro que as mulheres também tem as suas.. Mas os homens esticam-se um bocadito,não acham?
Mas elas estavam como ouvintes talvez tão deliciadas como eu com os pormenores..Porque isto de sexo, aventuras, cama e cueca Sempre nos espicaça a imaginação, é ou não é?

 

Estes são os verdadeiros mestres na arte de bem viver...

Se alguns homens soubessem que ficar de boca calada as vezes compensa, valoriza-os muito mais;)
A mulher povoa realmente o imaginário das conversas masculinas.
No final, ao olhar para os contadores de histórias, todos eles com o ar mais convicto do mundo pensei, quando acabassem o relato o sonho acabava e a realidade podia ser bem dura:)

Porque é que certos homens teimam em contar as suas aventuras de cama  e cueca?

Eu sempre ouvi dizer que homem que é homem come e cala... Não é verdade?


 As nossas histórias "intimas" sim porque todos as temos.. Devem ser guardadas. A experiência a mim ensinou-me a calar.., Aliás, estas histórias só têm piada quando só as ouvimos a nossa cabeça. E recordamos.:)

 

publicado às 08:59


29 comentários

De R.Cheiros a 03.11.2008

Ai que dramática...
Consegues abrir os e-mails da sapo? Acho que alguém me sabotou aquilo...

Nervosinha vais tu ficar com o desafio que te estou a preparar, aguarda...

Beijos

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D