Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Vamos lá pôr os pontos nos iis !!

por R.Cheiros, em 09.10.08

 

As coisas que os heróis de outros tempos nos podem arranjar...


Mas o que me traz aqui preocupada hoje foi que recebi um e-mail dum leitor curioso e muito simpático simplesmente a perguntar-me “ó Ramo de Cheiros, com o “peso” (até me faz andar curvada) dos anos e com a sua sabedoria, (sim por isto nota-se a léguas que eu sou uma mulher sábia) explique-me lá se a culpa da falta de romantismo é dos homens ou culpa das mulheres?


E não é que esta mensagem “inocente” dum tal  Pedro  me pôs para aqui a pensar sobre um assunto que de prático não tem nada. Para já o facto de ser um homem a perguntar-me tem tudo a ver... Porque se fosse uma mulher nem sequer se dava ao trabalho. De fazer tal pergunta, claro já sabe a resposta. Ora mas seja como for dou comigo aqui a pensar se a culpa é nossa ou é deles.. 

 

E a pergunta que se impõe é:

” Existem homens românticos à moda antiga nos dias de hoje? do tipo que  envia flores, que seja um cavalheiro, que nos  leva ( ou ele próprio prepare)  um jantar à luz de velas, daqueles  homens que abrem  a porta do carro, mandavam caixinha de bombons?..(coisa de pouco romantismo porque eu detesto chocolate) homens românticos, onde estão vocês?

Será que ainda existem? Ainda   existem homens assim neste mundo? Claro que sim, existem nos filmes…!

E Hoje em dia será que as mulheres ainda gostam do romantismo à moda antiga ou abrir a porta do carro para elas já está ultrapassado?


Eu pessoalmente acho muito importante o romantismo e não vivo sem ele.

Aqui há uns tempos atrás o meu mais que tudo que é uma jóia de rapaz não desfazendo e um romântico incurável (senão tirem vocês mesmo as suas próprias conclusões) convidou-me para jantar fora,."- Vem jantar comigo ao (.... ) hoje apetece-me beber um copo e conversar um bocadinho)"E  como em questão de horários as coisas estavam complicadas, achou por bem marcarmos no restaurante.

Bom até aqui nada a assinalar... Favorecia a ambos. Lá me produzi toda de forma a ficar bela e airosa, sim porque um convite do meu mais que tudo, assim “por toma lá quela palha” não acontece todos os dias. E ele estava tão querido ao telefone... 

Já o imaginava à minha espera com um ramo de rosas vermelhas e quiçá uma musiquinha ambiente que mandou colocar em minha homenagem...

Só filmes!!!

Ele foi cabelos, unhas, escolhi um vestido sexy (porque meu caro Pedro, o peso por enquanto ainda é só na idade) e lá fui eu em cima de uns saltos agulha que ninguém diria que não eram uma extensão das minhas próprias pernas belas firmes e esguias. A noite começou a correr mal, mal sai do carro...

Que um dos saltos se me enfiou num daqueles espaços que há entre as pedras dos passeios à portuguesa. Aqui entre nós, o homem que inventou este tipo de calçada não devia ter mulher em casa porque senão quem levava com um salto na testa, mas enfim..!

Lá entro eu restaurante dentro em equilíbrio porque o meu tornozelo nesse momento já começava a dar sinais de si....e estava-me cá a parecer que em menos de nada se formaria uma batata e não seria das pequenas... E a correr o risco que ficasse ligeiramente roxo (a ver pela dor que já sentia) e é uma cor que não combina nada com o vestido preto que eu tinha escolhido para levar ao jantar!
A segunda surpresa não tardou a chegar... Depois dos cumprimentos habituais, "- A tua irmã e o teu cunhado devem estar a chegar... Eles vêm jantar connosco."

Conclusão foi uma noite animada e nada romântica.... Resta-me dizer que a minha sorte foi que apareceu por lá aquele tipo que é como “Deus” está em todo o lado... “Ké Frô” ,“Ké Frô”  e lá me safei com uma rosa meio murcha... Se não fosse isso flores nem vê-las.


 Brincadeiras à parte, romantismo é essencial numa relação! E ai de mim se discordar disso!


Na verdade a opinião varia de mulher para mulher e há aquelas que não têm nem opinião formada sobre sobre o assunto.
Mas se o homem é muito cavalheiro, pode ser sendo taxado de meloso, carente ou antiquado mas se ele não é romântico, então é um grosseirão e insensível.  Eu como mulher concluo que o romantismo nunca é demais e que em alguns pontos o homem perdeu o romantismo porque as mulheres ajudaram um bocado.
A dura realidade é que nas relações: as pessoas estão a economizando as energias na conquista. Agora, primeiro beijam-se depois as pessoas “andam” ’(como dizem os putos ) e depois é iniciada uma conversa, quando à conversa... De repente, percebem que aquela outra pessoa não tem nada, absolutamente, nada a ver elas... Termina-se um relacionamento e vem outro, outro e outro... É o que baptizo como a futilidade das relações.

 

E agora pergunto, onde foi parar o romantismo?

É cada vez mais raro um homem mandar flores para uma mulher mas também se está a tornar um hábito a mulher desvalorizar-se  durante uma "conquista",hoje é tudo muito facil...

Certo, eu posso ser ultrapassada, antiquada ou outros adjectivos que consigam encontrar... Mas ainda acredito que existem diferenças entre homens e mulheres que não valorizam e tornam únicas e especial.   

Sim, porque seja lá que mulher for, casada,divorciada, solteira, viúva, amigada, etc etc, salvo raras excepções... Sim, eu já vi de tudo... Nós mulheres ainda ainda acreditamos que "fazer amor" envolve amor emoção, somos umas românticas ....Já os homens encaram o sexo por sexo com muita naturalidade. O homem começa a ficar mal acostumado passa uma “conversa” de quinta categoria e a mulher cair na lábia, não porque é parva, mas porque simplesmente  acha que a emancipação da mulher permite tudo.... Bom eu acho que o sexo que é uma coisa bonita hoje está banalizado e vulgarizado, já não tem romantismo a bem dizer nenhum.E lá se está a perder o o brilho do romantismo e a distanciar-nos, cada vez mais, do amor.


Acredita-se que está cada vez mais raro encontrar um homem que seja realmente romântico, que valorize de verdade sua companheira. E mulheres românticas, ainda existem muitas?

Claro que sim:) É lógico que o homem romântico não é perfeito, como nenhuma mulher é perfeita. Num relacionamento as pessoas vão encontrar diferenças, mas só vai ser duradouro se as duas partes souberem lidar com as diferenças. O que todos queremos homens ou mulheres dos mais durões aos mais lamechas é ser amados incondicionalmente e com muito romantismo de parte a parte


Dito isto, meu caro leitor Pedro digo-lhe já que acho que o romantismo está em falta de ambos os lados. Por isso meu caro escute bem o que lhe digo! Esqueça lá essa coisa de culpas, se é do homem ou da mulher... 

Que isso é bom para passar o tempo mas não dá anos de vida a ninguém, muito pelo contrário! Faça assim, arranje uma mulher que seja paciente. Se achar que ela tem pinta de mãe e que até tem alguns dotes domésticos (coisa rara hoje em dia) não a perca de vista... Agarre-se a ela mesmo que não seja assim das mais atraentes até porque a beleza física não é tudo, desvanece e muito rapidamente. Não há como as preocupações conjugais para nos deixarem com má cara. Seja pratico, caro leitor, e não pense nessas questões de culpa nossas ou vossa..
Escolha com cabeça, olhe que não sei se mais vale uma mulher pouco romântica que lhe trate da lida da casa e das crianças do que uma muito romântica que o tire do sério e lhe dê tesão porque essas coisas com o tempo passam, e muito mais rapidamente do que se julga, e ou o meu caro amigo se renova na relação ou depois é que são elas!!! E não me venha depois culpar por isso...

Até porque já perdi um bocado de tempo à conta do romantismo..


publicado às 11:01


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

subscrever feeds