Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Sexo.. com ou sem GPS

por R.Cheiros, em 17.04.08
 

Pertenço a uma geração privilegiada. Sim é a chamada geração da mudança das grandes revoluções.
Há quatro décadas e uns “trocos” atrás, o mundo da sexualidade foi abalado por um comportamento que derrubou tabus sexuais.

Pelo surgimento da pílula anticoncepcional o sexo para nós  (mulher) deixou de ser só para procriar .
O "Ohhh!!!" foi geral perante a certeza de que as mulheres possuíam um órgão com a única finalidade de lhes proporcionar prazer.
Numa revista da época era divulgada a “importante” descoberta : As mulheres tinham orgasmo (pasme-se....) e este era sobretudo clitoriano.
O clítoris fazia então a sua apoteótica aparição, o pequeno órgão que tinha passado despercebido durante tanto tempo estava agora na ribalta debaixo de todos os holofotes.
Nós mulheres, começamos a conhecer o nosso corpo, queremos ter prazer e não apenas dar.

E de facto as mulheres são verdadeiramente espantosas.Têm capacidades que surpreendem os homens :)))
Geralmente, após o orgasmo, uma mulher pode gozar novamente, se for devidamente estimulada e se ela estiver com desejo.

Ao contrário dos homens que precisam de um certo tempo para se recuperarem.

Para o “macho” não foi fácil aceitar essa nossa mudança, ainda hoje existe uma espécie de tabu relativamente à mulher e ao sexo.
É mais fácil aceitar que um homem possa ter várias relações sexuais numa semana com mulheres diferentes (e ser visto como um herói) do que aceitar que uma mulher possa ter o mesmo comportamento.
Mas atingimos a maior revolução entre os lençóis alguma vez vista. Basta abrir qualquer revista feminina ou masculina, que também as há.... Lá estão eles: os pontos G, W,Y,X, o alfabeto inteiro.

E logo a seguir quilómetros de explicações, dicas, recomendações, receitas infalíveis de como levar há loucura e por qualquer mulher nas nuvens.(só técnica) quilómetros de prazer!

(Faz-me lembrar a publicidade que existia do (SG,Gigante) ,mas isso só os mais cotas é que se lembram :))
Pergunto-me eu quando folheio essas revistas, sim porque como qualquer comum mortal gosto de passar os olhos até por as coisas mais fúteis. Mas dizia eu, com tanta regra, tanta táctica, vire a esquerda, agora à direita, faça desta maneira, agora daquela...À procura de algo que não se sabe sequer se existe, não serão uma grande perda de tempo?
Será que existem receitas infalíveis para levar uma mulher à loucura? Que tal um gesto de carinho e deixar a imaginação fluir? Que tal um jantar romântico à luz das velas? Um banho de espuma seguido de uma massagem com muita imaginação?
Não garanto que seja infalível, mas será certamente agradável.

Melhor do que levar para a cama um mapa, uma lanterna, uma bússola e GPS para encontrar o caminho de volta.

Existe  muita ignorância relativamente ao corpo feminino e aos seus pontos mais sensíveis que, para além da penetração, também transmitem um enorme prazer.

Não acham que para uma relação sexual ser satisfatória tanto para o homem como para a mulher, é essencial descobrir o  próprio corpo  e do outro?

E sem  migalhinhas de pão como fez o (pequeno polegar) para encontrar o caminho sabe-se de lá do que...

A "bolinha" pílula magica trouxe muitas vantagens..Mas Já agora: Nunca se esqueçam do preservativo. A responsabilidade é a dois

publicado às 10:42


1 comentário

De João Cordeiro a 17.04.2008

Querida amiga!
Tal como disse, e a partir de ontem, este teu espaço será como uma estação de serviço, obrigatória para mim.
Umas vezes com tempo para um fausto repasto, outras vezes tempo para um simples e fumegante café.
O tema de hoje parece-me importante demais para uma breve paragem. Com pouco tempo, além do café, irei sentar-me um pouco numa mesa, e escrever algumas considerações.
Em primeiro lugar o meu agradecimento por teres visitado o meu cantinho de sonhos. Um obrigado especial pelo percepção que tiveste do assunto em foque.
Dizes que gostavas de ter acompanhado melhor o “Ano Louco” pois esse poderás sempre que queiras, pois está editado.
Quanto ao post propriamente dito, tal como disse, é polémico, mas é o controverso que nos faz pensar e evoluir.
Por vezes penso o que seria Leonardo Da Vinci se hoje fosse vivo? Algum stressado com alguma patologia clínica, que andaria de rastos, com as drogas que eventualmente lhe receitasse qualquer psiquiatra. Um pintor talvez sem grande valor de marchandise, um presumido inventor que acabaria por ver as suas ideias serem comercializadas e vendidas por grandes fábricas e possivelmente a sua homossexualidade ser esquecida se fosse importante, ou um factor de discriminação se ninguém lhe ligasse nenhuma. Esta teoria é baseada por escritos históricos da época portanto vale o que vale... aliás o sexo naquela altura era visto de forma algo diferente.
Nascemos todos nus, mas ao morrermos vamos todos vestidos. Já viram o que seria um bebé nascer com uma fatiota pré neófita?
Existe até uma empresa que está a preparar drageias para acompanhar o desenvolvimento do feto para vir já vestido... com fraldas e tudo. Fantástico!
Que pressupostos tão parvos e descabidos. Será que algum dia irei ter cura?
Certamente que não! Mas também não me importo. A loucura é igualmente uma etapa da vida.
Queria também dizer-te que já há algum tempo que faço amor sem GPS. Certo dia chego ao carro e a fechadura aberta… roubaram-me o GPS! (Isto é verdade… tenho a participação na GNR) Fiquei decepcionado, não por ter perdido o mapa das estradas, mas sim o mapa-mundo da mulher… e agora como faço? Como irei encontrar o ponto G?
Não importa eu até sou do tempo do SG, Gigante (obrigado pelo cota), para que necessito de um GPS?
De facto a revolução sexual com o aparecimento da pílula, revolucionou a vida da mulher. Mas, eu falo por mim, e para mim foi fácil aceitar essa vossa mudança. Aliás não a concebo de outra forma. As mulheres têm de facto orgasmo (não fiquei, nem fico pasmado) e que bom é saber que a mulher o tem.
Clitoriano ou não? Pouco importa… interessa é ter.
Mas, tens de me dar razão, com um apêndice tão pequeno, claro que não é o meu caso, o “coiso” é difícil de encontrar ;-)
Eu homem me confesso… de facto são superiores a nós… eu tenho pelo menos que esperar uma horita e fumar um cigarrito, para a coisa se dar de novo.
Não sou dos que comentam que são 3 sem tirar… aldrabão sou eu e não minto tanto.
Mas querida amiga tens razão no que dizes, não é necessário de todo empinarmos enciclopédias sexuais, nem seguir os conselhos dos sexólogos da banha da cobra.
Quando dois corpos se fundem num só, certamente que tudo está certo. Quando o romantismo supera o simples desejo, o amor está em ebulição, fervendo a um ritmo tal que se ligássemos o GPS, apenas poderia acusar excesso de velocidade.

Um beijo para ti em especial, outro para todas as mulheres que compreendem de facto o que é ser Mulher.

JC

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

subscrever feeds